Entenda a importância dos dentes para uma boa mastigação

A importância dos dentes para uma mastigação de qualidade é um fator que deve ser levado em conta ao realizar os cuidados diários com eles e ao tomar todas as medidas de prevenção necessárias para uma boa saúde bucal, que envolvem visitas regulares ao dentista.

Indivíduos que apresentam problemas, como perda dentária ou dores decorrentes de inflamações, tais quais gengivite e periodontite, têm grandes chances de perderem qualidade de mastigação, o que pode causar danos a eles futuramente.

Para entender a importância dos dentes em cada etapa da mastigação e fazer esse processo com qualidade, continue a ler nosso artigo a seguir.

O papel de cada dente ao mastigar

Ao realizar uma refeição, cada dente de sua arcada é acionado para executar uma função. Isso os torna essenciais, individualmente, para que a digestão seja bem-sucedida e também evita sintomas como refluxo, azia e sonolência depois de uma grande refeição. Entre elas, destacam-se café da manhã, almoço e jantar.

Comer com calma e triturar bem os alimentos evita que o estômago fique sobrecarregado e necessite, portanto, digerir grandes pedaços de alimento em pouco tempo. Como em um mecanismo ideal, todos os dentes trabalham juntos para que o processo seja harmônico.

Os incisivos, por exemplo, localizados ao centro da boca, entram em contato com a comida antes de todos os outros e têm o corte como sua principal função. Os caninos, a seguir, atuam para completar o rompimento dos alimentos.

Após eles, os pré-molares e molares, maiores que os primeiros, mastigam e trituram completamente tudo que for ingerido, permitindo que os sólidos cheguem ao estômago em tamanhos ideais para sua digestão.

Problemas que a má mastigação pode causar

Se você não estiver mastigando corretamente, existem grandes chances de que venha a ter problemas como cáries, já que os restos do que não for adequadamente consumido podem se acumular entre os dentes.

Outro relato comum a dentistas é a dor causada por distúrbios na articulação temporomandibular (ATM). Ela conecta o maxilar ao crânio e, quando não é utilizada corretamente, ou seja, se a mastigação é incompleta, favorece o desenvolvimento de infecções e dores na boca, no pescoço e na cabeça.

Caso o problema que leve às dificuldades de mastigar seja a perda dentária, é fundamental procurar um profissional dentista e encontrar a melhor solução para fazer um implante dentário. Assim, a arcada volta a ter harmonia e permite que cada dente realize sua função corretamente, além de proporcionar um notável ganho de autoestima e bem-estar a quem sofre com a questão.


Hábitos para ter uma boa mastigação

Para comer melhor e valorizar a importância dos dentes no processo, evitando que haja quaisquer problemas digestivos ao longo do dia, comece a prestar atenção à forma com que se alimenta em sua rotina.

Certifique-se de mastigar bem a comida, em ambos os lados da boca, e coma devagar, de modo que preste atenção aos sabores e texturas daquilo que consome. Alimentos rígidos, como maçã, pão francês, pipoca e carnes, em geral, requerem ainda mais cuidados, já que podem até machucar a gengiva se não forem adequadamente triturados.

A importância dos dentes se verifica em diferentes processos de nossa saúde e com a alimentação não poderia ser diferente. Cuidar de sua saúde bucal, afinal, é a melhor forma de se prevenir e evitar que venha a ter problemas, os quais podem surgir em quaisquer fases da vida.

Quer receber mais conteúdos como este? Então não deixe de assinar a newsletter do Centro de Cirurgia Oral para acompanhar nossas novidades!

RT. CRO-GO-EPAO-425 C.D. Luis Francisco Coradazzi CRO-GO-CD-7747

RECEBA DICAS PARA TER
UM SORRISO SAUDÁVEL