PROTOCOLO SOBRE IMPLANTE

PROTOCOLO SOBRE IMPLANTE

Sorriso Seguro e Natural.

Agende sua avaliaçãoAgende sua avaliação

PROTOCOLO SOBRE IMPLANTE

PROTOCOLO SOBRE IMPLANTE

Sorriso Seguro e Natural

Sorriso Seguro e Natural

Implante Dentário Completo

Para quem usa dentadura ou ainda tem poucos dentes na boca, o implante dentário completo pode ser uma solução definitiva caso o paciente tome os devidos cuidados com a higiene bucal e obedeça a agenda de visitas regulares ao dentista.

Devolve a Função Mastigatória

Com o sistema comum de dentadura, o paciente tem em média 20% do poder de mastigação original, já com o protocolo fixo sobre implantes, esse percentual de poder de mastigação sobe para 85%.

Sorriso Restaurado

Além da capacidade de sorrir e falar restauradas em 100% reconstrói também a autoestima, o convívio social e ainda elimina o desconforto de utilizar uma dentadura móvel.

O que é o protocolo sobre implante?

O protocolo sobre implantes é uma técnica definitiva importantíssima para recuperar a capacidade de mastigação do paciente tal como melhorar o sorriso.  Esta prótese é fixada sobre implantes metálicos que fazem a função de suporte para a aplicação do protocolo sobre implante, que são parafusados. Este tipo de prótese é a mais moderna que você encontrará no mercado.

PRINCIPAIS OBJETIVOS

Quando uma pessoa perde todos os seus dentes, passar por um processo de reabilitação oral é fundamental para recuperar o sorriso, a autoestima, o poder de mastigação e a saúde bucal e geral.

Por isso, a instalação de uma dentadura fixa sobre implantes tem como objetivo principal restaurar a qualidade de vida do paciente. Aliás, esse tipo de reabilitação já é uma das áreas que mais cresce no ramo da odontologia.  

REABILITAÇÃO ORAL

A reabilitação oral por meio do implante traz de volta ao paciente a possibilidade de sorrir sem restrições, o que consequentemente melhora o seu convívio social e seus relacionamentos.

Além disso, a instalação de uma prótese protocolo, a qual é realizada utilizando técnicas modernas e eficazes para um procedimento de qualidade. Recupera por completo a mastigação do paciente e elimina o desconforto de utilizar uma dentadura móvel.m dos grandes benefícios do tratamento são os resultados rápidos. Em relação a outras técnicas e cirurgias, trata-se de um método simples que também é realizado nos consultórios odontológicos. 

CIRURGIA GUIADA

A cirurgia guiada é uma técnica menos invasiva e um dos maiores avanços na área da implantodontia. Nela, um planejamento através de tomografia e guias cirúrgicos são utilizados para orientar o cirurgião-dentista. O que faz com que as incisões realizadas na boca do paciente sejam menores.

Isso porque essa tecnologia fornece ao dentista uma visão completa da estrutura anatômica bucal. Assim, esse profissional consegue identificar exatamente quais são os pontos para fixação do implante e da prótese fixa.

FAZER IMPLANTE DÓI?

Se o que assusta você é a dor que vai sentir no consultório odontológico, pode ficar tranquilo! A cirurgia é completamente indolor, visto que a anestesia utilizada interrompe toda a sua sensibilidade na região.

O único incômodo que você sentirá é da picada da agulha durante a aplicação da anestesia, a qual pode ser amenizada pelo uso de anestésicos tópicos, como a xilocaína.

É importante que o paciente seja informado que o efeito sedativo da anestesia pode provocar sonolência e outros efeitos que afetam sua capacidade motora. Por esse motivo, é fundamental que ele tenha um acompanhante quando passar pelo procedimento.

CUIDADOS

Dificilmente este procedimento terá contraindicações, entretanto, pessoas com doenças cardíacas, diabetes, anemia, entre outras que coloquem a vida do paciente em risco, devem tomar cuidado redobrado.

O ideal é que a pessoa que tenha qualquer uma dessas doenças citadas acima comunique o profissional que realizará o implante para que ele e sua equipe estejam preparados para qualquer eventualidade.

Saiba mais sobre o protocolo sobre implante, leia nossos artigos.

COMO É A CIRURGIA DO PROTOCOLO SOBRE IMPLANTE?

COMO É FEITO O IMPLANTE DENTÁRIO COMPLETO?

Primeiramente o cirurgião dentista faz uma avaliação e pede alguns exames para saber a situação geral da saúde do paciente e como está o volume ósseo da arcada dentária.

Em alguns casos onde já houve perda dentária pelo uso da dentadura ou pela ausência prolongada dos dentes é preciso fazer antes do implante, um enxerto ósseo para que a fixação dos pinos do implante tenha sucesso.

COMO É A CIRURGIA DO PROTOCOLO SOBRE IMPLANTE?

O primeiro passo é a cirurgia e o segundo é o processo relacionado à parte protética. Nesta primeira etapa, os implantes são instalados, isto é, os parafusos feitos de titânio são colocados no tecido ósseo. Após instalados, há um tempo que deve ser respeitado para que haja integração óssea, ou seja, o osso deve se recuperar em volta da prótese aplicada.

Após a recuperação vem a segunda etapa do processo. Agora, neste próximo passo, são feitas as moldagens para que seja confeccionada a barra metálica fundida que vai posicionada entre os implantes e os dentes protéticos. Por fim, o protocolo sobre implante é colocado na posição correta e parafusado sobre os pinos de titânio.

QUANTO TEMPO DEMORA A CIRURGIA?

A primeira etapa, que é a cirurgia, demora em torno de 30 a 90 minutos. Para isso, alguns fatores devem ser considerados, pois, cada tratamento é único. Ou seja, é necessário analisar se o paciente fará muitos implantes ou não, verificar a quantidade de tecido ósseo, pois às vezes é necessário fazer enxerto entre outros fatores que o profissional deve analisar.

Quando o paciente tem alta densidade óssea suficiente para dar uma boa estabilidade aos implantes é possível fazer o implante de carga imediata. No implante de carga imediata, o procedimento acontece de forma mais rápida, ou seja, em alguns dias após a cirurgia de implante, já é possível instalar a prótese.

   

TEMPO DE RECUPERAÇÃO

A recuperação é o período em que o organismo integra os pinos do implante no osso da mandíbula ou maxilar.

Esse fenômeno é chamado de osseointegração e somente após esse período é que o implante estará pronto para ser utilizado na sua principal função: a de mastigar. Antes disso, uma dieta líquida e pastosa é a única opção para o paciente.

Para os idosos, o tempo de recuperação tende a ser maior que em pacientes mais jovens, no entanto, é possível reduzir esse intervalo. Os materiais e formatos dos implantes estão, cada vez mais, sendo aperfeiçoados para acelerar a osseointegração, o que diminui o período de recuperação do paciente e permite que ele volte para a sua rotina normal muito mais rápido.

Como é o protocolo sobre implante?

COMO É FEITO O IMPLANTE DENTÁRIO COMPLETO?

Primeiramente o cirurgião dentista faz uma avaliação e pede alguns exames para saber a situação geral da saúde do paciente e como está o volume ósseo da arcada dentária.

Em alguns casos onde já houve perda dentária pelo uso da dentadura ou pela ausência prolongada dos dentes é preciso fazer antes do implante, um enxerto ósseo para que a fixação dos pinos do implante tenha sucesso.

COMO É A CIRURGIA DO PROTOCOLO SOBRE IMPLANTE?

O primeiro passo é a cirurgia e o segundo é o processo relacionado à parte protética. Nesta primeira etapa, os implantes são instalados, isto é, os parafusos feitos de titânio são colocados no tecido ósseo. Após instalados, há um tempo que deve ser respeitado para que haja integração óssea, ou seja, o osso deve se recuperar em volta da prótese aplicada.

Após a recuperação vem a segunda etapa do processo. Agora, neste próximo passo, são feitas as moldagens para que seja confeccionada a barra metálica fundida que vai posicionada entre os implantes e os dentes protéticos. Por fim, o protocolo sobre implante é colocado na posição correta e parafusado sobre os pinos de titânio.

QUANTO TEMPO DEMORA A CIRURGIA?

A primeira etapa, que é a cirurgia, demora em torno de 30 a 90 minutos. Para isso, alguns fatores devem ser considerados, pois, cada tratamento é único. Ou seja, é necessário analisar se o paciente fará muitos implantes ou não, verificar a quantidade de tecido ósseo, pois às vezes é necessário fazer enxerto entre outros fatores que o profissional deve analisar.

Quando o paciente tem alta densidade óssea suficiente para dar uma boa estabilidade aos implantes é possível fazer o implante de carga imediata. No implante de carga imediata, o procedimento acontece de forma mais rápida, ou seja, em alguns dias após a cirurgia de implante, já é possível instalar a prótese.

   

TEMPO DE RECUPERAÇÃO

A recuperação é o período em que o organismo integra os pinos do implante no osso da mandíbula ou maxilar.

Esse fenômeno é chamado de osseointegração e somente após esse período é que o implante estará pronto para ser utilizado na sua principal função: a de mastigar. Antes disso, uma dieta líquida e pastosa é a única opção para o paciente.

Para os idosos, o tempo de recuperação tende a ser maior que em pacientes mais jovens, no entanto, é possível reduzir esse intervalo. Os materiais e formatos dos implantes estão, cada vez mais, sendo aperfeiçoados para acelerar a osseointegração, o que diminui o período de recuperação do paciente e permite que ele volte para a sua rotina normal muito mais rápido.

Uma boa referência faz toda a diferença!

Uma boa referência faz toda a diferença!

Com localização privilegiada em Goiânia, o CCO é especializado em Implantodontia, Cirurgia Bucomaxilofacial e Reabilitação Oral.

Há 14 anos no mercado de Goiânia, o CCO – Centro de Cirurgia Oral, já atendeu mais de 37 mil pacientes.

Hoje somos referência em cirurgias orais como extração de sisos, dentes inclusos, tracionamento, disjunções cirúrgicas, além de atuar com o tratamento reabilitador oral através de implantes dentais e facetas de porcelana.

Uma boa referência, faz toda diferença!

FAQ – Perguntas Frequentes

Além da estética e do conforto em utilizar uma prótese fixa, o protocolo sobre implante oferece outros benefícios para quem opta por fazer este procedimento.

Confira abaixo outras vantagens em utilizar esta prótese:

  •         Melhora a mastigação;
  •         Melhora a fonética;
  •         Não precisa ser retirada pelo paciente;
  •         É retirada por completo para manutenção;
  •         Autoestima elevada do paciente — sorriso onde a prótese é imperceptível;
  •         Traz mais praticidade para quem a utiliza — inclusive na higienização.

Como você pode ver, são muitos os benefícios e com certeza o investimento valerá à pena.

A recuperação é o período em que o organismo integra os pinos do implante no osso da mandíbula ou maxilar.

Esse fenômeno é chamado de osseointegração e somente após esse período é que o implante estará pronto para ser utilizado na sua principal função: a de mastigar. Antes disso, uma dieta líquida e pastosa é a única opção para o paciente.

Para os idosos, o tempo de recuperação tende a ser maior que em pacientes mais jovens, no entanto, é possível reduzir esse intervalo. Os materiais e formatos dos implantes estão, cada vez mais, sendo aperfeiçoados para acelerar a osseointegração, o que diminui o período de recuperação do paciente e permite que ele volte para a sua rotina normal muito mais rápido.

Quando uma pessoa perde todos os seus dentes, passar por um processo de reabilitação oral é fundamental para recuperar o sorriso, a autoestima, o poder de mastigação e a saúde bucal e geral.

Por isso, a instalação de uma dentadura fixa sobre implantes tem como objetivo principal restaurar a qualidade de vida do paciente. Aliás, esse tipo de reabilitação já é uma das áreas que mais cresce no ramo da odontologia.

A reabilitação oral por meio do implante traz de volta ao paciente a possibilidade de sorrir sem restrições, o que consequentemente melhora o seu convívio social e seus relacionamentos.

Além disso, a instalação de uma prótese protocolo, a qual é realizada utilizando técnicas modernas e eficazes para um procedimento de qualidade. Recupera por completo a mastigação do paciente e elimina o desconforto de utilizar uma dentadura móvel.m dos grandes benefícios do tratamento são os resultados rápidos. Em relação a outras técnicas e cirurgias, trata-se de um método simples que também é realizado nos consultórios odontológicos.

A cirurgia guiada é uma técnica menos invasiva e um dos maiores avanços na área da implantodontia. Nela, um planejamento através de tomografia e guias cirúrgicos são utilizados para orientar o cirurgião-dentista. O que faz com que as incisões realizadas na boca do paciente sejam menores.

Isso porque essa tecnologia fornece ao dentista uma visão completa da estrutura anatômica bucal. Assim, esse profissional consegue identificar exatamente quais são os pontos para fixação do implante e da prótese fixa.

Se o que assusta você é a dor que vai sentir no consultório odontológico, pode ficar tranquilo! A cirurgia é completamente indolor, visto que a anestesia utilizada interrompe toda a sua sensibilidade na região.

O único incômodo que você sentirá é da picada da agulha durante a aplicação da anestesia, a qual pode ser amenizada pelo uso de anestésicos tópicos, como a xilocaína.

É importante que o paciente seja informado que o efeito sedativo da anestesia pode provocar sonolência e outros efeitos que afetam sua capacidade motora. Por esse motivo, é fundamental que ele tenha um acompanhante quando passar pelo procedimento.

Dificilmente este procedimento terá contraindicações, entretanto, pessoas com doenças cardíacas, diabetes, anemia, entre outras que coloquem a vida do paciente em risco, devem tomar cuidado redobrado.

O ideal é que a pessoa que tenha qualquer uma dessas doenças citadas acima comunique o profissional que realizará o implante para que ele e sua equipe estejam preparados para qualquer eventualidade.

Com localização privilegiada em Goiânia, o CCO é especializado em Implantodontia, Cirurgia Bucomaxilofacial e Reabilitação Oral.

Há 14 anos no mercado de Goiânia, o CCO – Centro de Cirurgia Oral, já atendeu mais de 37 mil pacientes.

Hoje somos referência em cirurgias orais como extração de sisos, dentes inclusos, tracionamento, disjunções cirúrgicas, além de atuar com o tratamento reabilitador oral através de implantes dentais e facetas de porcelana.

Uma boa referência, faz toda diferença!

Agende sua consulta

FAQ – Perguntas Frequentes

Além da estética e do conforto em utilizar uma prótese fixa, o protocolo sobre implante oferece outros benefícios para quem opta por fazer este procedimento.

Confira abaixo outras vantagens em utilizar esta prótese:

  •         Melhora a mastigação;
  •         Melhora a fonética;
  •         Não precisa ser retirada pelo paciente;
  •         É retirada por completo para manutenção;
  •         Autoestima elevada do paciente — sorriso onde a prótese é imperceptível;
  •         Traz mais praticidade para quem a utiliza — inclusive na higienização.

Como você pode ver, são muitos os benefícios e com certeza o investimento valerá à pena.

A recuperação é o período em que o organismo integra os pinos do implante no osso da mandíbula ou maxilar.

Esse fenômeno é chamado de osseointegração e somente após esse período é que o implante estará pronto para ser utilizado na sua principal função: a de mastigar. Antes disso, uma dieta líquida e pastosa é a única opção para o paciente.

Para os idosos, o tempo de recuperação tende a ser maior que em pacientes mais jovens, no entanto, é possível reduzir esse intervalo. Os materiais e formatos dos implantes estão, cada vez mais, sendo aperfeiçoados para acelerar a osseointegração, o que diminui o período de recuperação do paciente e permite que ele volte para a sua rotina normal muito mais rápido.

Olá! Agende sua consulta!