Por que o dente dói? Entenda agora como ocorre a dor de dente!

É domingo à noite e você já está se preparando para dormir e iniciar mais uma nova semana. De repente, uma dor insuportável, que parece corroer, começa a surgir dentro da sua boca. O barulho da TV não consegue distrair essa sensação insuportável e você tem certeza de uma coisa: essa é a pior dor que já sentiu na vida. Mas por que o dente dói?

Nesse post, reunimos tudo o que você precisa saber sobre a dor de dente. Continue a leitura e descubra como esse problema acontece, quais são suas principais causas e o que fazer para controlá-lo.

Como ocorre a dor de dente?

Quem sofre com esse problema certamente já deve ter se perguntado por que o dente dói. Essa condição trata-se da inflamação da polpa dentária, também conhecida como canal, que é a parte mais interna da estrutura.

Abaixo da dentina e do esmalte, a polpa é composta basicamente por tecido conjuntivo, vasos sanguíneos e nervos — o que justifica a sensibilidade do local.

O processo inflamatório gera sintomas extremamente desagradáveis que vão além da dor aguda propriamente dita.

O paciente também pode ter problemas para falar e mastigar, sofrer com dores de cabeça e até enfrentar dificuldades para dormir — pois a pressão sanguínea sobre a polpa ao se deitar intensifica os incômodos.

Quais são as principais causas da dor de dente?

Esse problema pode ser desencadeado por diversos fatores. Confira quais são os principais deles.

Cáries

As cáries desencadeiam a desmineralização dos dentes, o que permite que as bactérias se aproximem dos nervos e, como consequência, provoquem a dor.

Retrações gengivais

Quando as gengivas ficam retraídas, isso pode expor a raiz dos dentes, o que aumenta a sensibilidade, especialmente ao entrar em contato com alimentos gelados.

Doenças periodontais

As doenças gengivais, que iniciam com a gengivite, podem provocar reabsorção óssea e, assim, infeccionar a polpa e causar dor.

Traumas dentários

Dentes quebrados, partidos ou que simplesmente sofreram uma batida um pouco mais forte podem afetar a polpa e ficar extremamente doloridos.


Como cuidar desse problema?

Como a dor de dente pode ter diversas origens, é importante consultar um dentista para verificar o que está causando esse problema. Ademais, se a sua dor ainda está fraca, não deixe que ela fique insuportável para procurar ajuda.

Portanto, logo após sentir os primeiros focos de incômodo, faça uma visita a um consultório odontológico com profissionais qualificados. Assim, é possível ter o diagnóstico correto da sua condição e a garantia de que você vai receber o tratamento ideal para acabar com a sua dor.

Agora que você já sabe por que o dente dói, não se esqueça das medidas de prevenção: escove os dentes após todas as refeições, use fio dental, faça bochechos com enxaguante bucal fluoretado e vá ao dentista a cada seis meses para fazer uma limpeza. Assim, é possível manter essa dor bem longe da sua boca!

Caso não tenha conseguido escapar desse problema, você pode contar com a nossa ajuda! Entre em contato conosco e agende a sua consulta para acabar com sua dor de dente!

RT. CRO-GO-EPAO-425 C.D. Luis Francisco Coradazzi CRO-GO-CD-7747

RECEBA DICAS PARA TER
UM SORRISO SAUDÁVEL