Você já deve ter ouvido de algum dentista: “Volte daqui a seis meses para fazer uma limpeza nos dentes”. E ele fala a você isso devido à importância de realizar a limpeza dental odontológica em consultório. Com ela, é possível que sua saúde bucal fique sempre em dia, ou seja, que menos problemas como cáries e muitos outros apareçam.

O Centro de Cirurgia Oral preza muito pela limpeza dental e profilaxia e, por isso, oferece o tratamento de prevenção de problemas bucais. Abaixo, mostraremos a importância da limpeza dental feita em consultório. Conheça as vantagens e os benefícios desse tratamento.

Importância da limpeza dental odontológica

O procedimento visa limpar os dentes pela remoção da placa bacteriana acumulada na superfície dental. Isso é importante porque se não for removida a tempo, ela poderá se transformar em tártaro.

A limpeza dos dentes é um tratamento preventivo que evita problemas como cálculo dental (tártaro), cárie, gengivite, mau hálito, desgastes dos dentes, entre outros — incluindo doenças mais sérias como o câncer de boca. Além disso, se tais problemas forem detectados precocemente, é possível evitar tratamentos mais invasivos.

Após remover a sujeira impregnada, o dentista ainda realiza um polimento que deixa os dentes lisinhos e com sensação de estarem mais brancos.

Ao terminar a limpeza, o dentista ensina (ou relembra) o paciente a maneira correta de fazer a higienização da boca como um todo, não apenas dos dentes. Esse aprendizado ajuda o paciente a colaborar para manter os dentes limpos por mais tempos, e consequentemente, mais saudáveis.

Quando é necessário limpar os dentes no consultório?

A necessidade de realizar a limpeza dental pode variar de paciente para paciente, mas em geral, é feita a cada seis meses, ou seja, duas vezes ao ano. No Centro de Cirurgia Oral, a limpeza dental é realizada a cada quatro ou seis meses, a depender do caso.

Existem casos especiais de pessoas com maior chances de aparecer cáries e outras doenças bucais, pode ser necessário que a limpeza dos dentes precise ser feita de dois em dois meses. E não é exagero, pois essas pessoas verão muitos benefícios ao limpar após um curto espaço de tempo, inclusive não ver suas gengivas sangrarem durante a limpeza e não sentirem sensibilidade durante o procedimento.

É importante saber que o momento da limpeza dental é aproveitado pelo dentista para verificar a presença de cáries ou outros problemas. O conjunto limpeza dental e observação de problemas bucais recebe o nome de profilaxia.

Cabe ressaltar que, independentemente das visitas regulares ao dentista para limpar os dentes, ao notar que sua gengiva está sangrando, manchas em seus dentes ou qualquer outro problema, você procure seu dentista para uma avaliação.

Como a limpeza dental é feita?

Para fazer a limpeza dental, o dentista pode utilizar o jato de água e bicarbonato e/ou aparelhos de ultrassom odontológico — sendo este último o procedimento mais utilizado atualmente.

Se durante a limpeza for notada presença de tártaro, é possível removê-lo através de uma raspagem realizada pelo dentista.

A limpeza dental dói?

Como a limpeza dos dentes é feita externamente (não invade a área interna dos dentes nem das gengivas), o procedimento não dói. No entanto, pessoas que possuem dentes sensíveis podem sentir um certo desconforto e aquelas que têm desgaste nos dentes, em que o esmalte foi muito afetado podem sentir dor.

Se esse é o seu caso, não se preocupe, o dentista saberá como fazer a limpeza da maneira mais confortável para você, incluindo com aplicação de um anestésico local superficial. De qualquer forma, a limpeza dental no consultório é tão importante que você jamais deve pensar em deixar de fazê-la por medo da sensibilidade.

Vantagens da limpeza odontológica em consultório

1. Diminui o aparecimento de cáries

A limpeza dental feita no consultório do dentista previne o aparecimento de cáries, um problema que começa pequeno (praticamente uma manchinha), mas que se não tratado a tempo evolui para algo mais sério, fazendo com que seja preciso fazer tratamento de canal e, até, à perda do dente.

2. Detecta cáries

Encontrar a presença de cáries ainda estágio inicial (possível em quem tem o costume de limpar os dentes em consultório com regularidade) é uma grande vantagem. Isso porque, o tratamento de pequenas cáries é mais fácil, rápido e evita que uma grande extensão do dente seja substituída por resinas — ou seja, a preservação do dente é maior.

3. Impede o agravamento de problemas bucais

Alguns problemas bucais que apareceram no intervalo entre uma limpeza/profilaxia e outra — por isso algumas pessoas necessitam de um intervalo menos entre cada visita ao dentista — como a gengivite e a periodontite, doenças que podem, inclusive, levar à perda óssea que faz os dentes amolecerem e caírem.

4. Colabora para a higiene da boca

Se feita periodicamente, a limpeza dental ajuda a manter a higiene bucal tanto quanto a limpeza que você faz em casa (escovação, uso do fio e do enxaguatório bucal), além dos hábitos saudáveis como evitar alimentos açucarados, excessivamente ácidos e refrigerantes.

Aliás, ambos — cuidados caseiros e limpeza no consultório — fazem parte dos cuidados bucais que previnem e tratam doenças. Juntos, eles mantêm o hálito fresco e saudável e o sorriso bonito.

Agora que você entendeu o quanto a limpeza e profilaxia dos dentes é importante para a manutenção da saúde bucal, do bom hálito e do sorriso bonito, saiba que no CCO você nem precisa se preocupar em se lembrar qual é a hora de marcar sua limpeza, que aqui chamamos de manutenção preventiva. Isso porque, em nosso sistema o momento exato do seu retorno está agendado e você será lembrado dele.

É claro que se entre essas consultas para a importante limpeza dental você sentir dores ou necessidade de consultar um dentista, não hesite em agendar uma consulta!