Dói fazer um implante dentário?

Se você precisa realizar um implante dentário, não se preocupe com a dor e continue lendo nosso post para saber mais!

Só o barulho do terrível motorzinho já é motivo para que muitos pacientes fujam daquela visita corriqueira ao dentista.

O que dizer então quando um tratamento envolve uma cirurgia? Porém, ao contrário do que muitos pensam, alguns procedimentos cirúrgicos são extremamente simples e a dor é praticamente inexistente.

É o caso do implante dentário, um tipo de procedimento que costuma assustar muitos pacientes, que pensam: implante dói, não vale a pena passar por isso, mas que na prática, acaba sendo bem menos dolorido do que se imagina e costuma apresentar excelentes resultados.

Porque realizar um implante dentário?

Assim como a maioria dos procedimentos odontológicos, quanto mais o paciente adia o tratamento, mais problemático ele tende a ficar.

Com o implante dentário, isso não é diferente. Toda vez que um paciente tem uma perda dentária, o tratamento mais recomendado é o implante.

Quando o paciente deixa de substituir o dente perdido, os demais dentes costumam se movimentar, prejudicando a mastigação, a fala e até a abertura e o fechamento da boca.

Outro problema decorrente da não substituição do dente perdido é a reabsorção óssea, que pode dificultar a realização do implante. Por isso, se você perdeu um dente, não deixe de buscar auxílio de um dentista o quanto antes.


O limite da dor

Para a realização do implante, o paciente passa por uma pequena cirurgia onde é instalado um cilindro de titânio no tecido ósseo, para sustentar, posteriormente, a prótese. A colocação dessa estrutura metálica é feita por uma pequena cirurgia, dentro do consultório mesmo e com o uso da anestesia local.

Para os pacientes mais sensíveis, é possível administrar uma pomada analgésica antes mesmo da aplicação da anestesia, tornando a dor da picada significativamente menor. Mesmo o pós-operatório do implante costuma ser simples e com menos inchaço do que em outros procedimentos.

Quando comparado com a extração de um dente, por exemplo, a realização do implante dentário é muito mais simples e bem menos dolorida.

Boa parte dessa cirurgia de instalação do implante envolve a manipulação do tecido ósseo, que se caracteriza por um número muito pequeno de enervações. Daí a razão do procedimento ser quase indolor.

Mas, e depois?

Mesmo após a realização do procedimento e a posterior instalação da prótese, o paciente não costuma ter qualquer tipo de dor.

Muitos têm dúvidas se no frio o implante dói, por uma analogia com as placas ósseas normalmente utilizadas nos casos de fraturas.

Porém, mesmo em temperaturas congelantes o paciente não enfrentará qualquer tipo de problema.

Vale a pena enfrentar o medo, quando o assunto é a realização de um implante. Além de não ser um procedimento dolorido, a colocação do implante costuma recuperar a autoestima abalada de muitos pacientes que perderam seus dentes.

Pode parecer um detalhe, mas a falta de um único dente pode comprometer a saúde como um todo e afetar a funcionalidade bucal de maneira bastante problemática para o paciente.

RT. CRO-GO-EPAO-425 C.D. Luis Francisco Coradazzi CRO-GO-CD-7747

RECEBA DICAS PARA TER
UM SORRISO SAUDÁVEL